Buscar
  • Maria Cristina Salgado

Hoje...numa de falar mal



Pois…hoje vamos variar. Dos meus 500 e mais posts já feitos, hoje estreio-me “numa de falar mal”. Um Blog é isto, partilharmos as nossas Ideias… e nem sempre serão as boas.


Ontem decidimos ir almoçar lá para os lados da fronteira com nuestros hermanos - Vila Real de Santo António. Uma cidade algarvia simpática e que tenho sempre gostado de visitar.


Andando plas ruas da restauração, que até está bastante interessante e agradável, decidimos ficar pela Taskinha Praça Antiga (nome giro). O F. viu "Menú do Dia – Arroz de Pato" – é um dos seus pratos favoritos. Decidido, ficamos aqui.



A decoração está gira e isso cativa o cliente, mas quando falamos em comida isso só não serve.



Sentados na esplanada, fomos atendidos pela empregada simpática (???) e o arroz de pato, ora Menu do Dia, foi logo pedido e de certeza que é coisa rápida.


Deu-me uma vontade de tapear (talvez influenciada pelos hermanos do lado de lá que adoram Tapas) e pedi uma tábua mista, que a rapariga me mencionou ser de enchidos. Um petisco, vamos nisso. Já penso no que pedirei de seguida.



Trouxeram as bebidas e pão com azeitonas – guardanapos e talheres nem vê-los. Come-se à mão e limpamos as mãos sei lá onde…??? Uns 15/20 minutos passaram e nada. Lá tive de os pedir.


Giro pois não havia mais clientes na esplanada, nem lá dentro (será bom ou mau sinal?).



Chegou um casal que se sentou e de imediato foi logo atendido pelo proprietário. Ok…pessoas mais velhas… há que, provavelmente, ter mais consideração por esses clientes…será?

O pedido deles foi logo despachado…e nem era prato do dia… e nós à espera. Ok…estou de fim-de-semana, aliás de feriado e “tá-se bem!”


Por fim chegou o arroz de pato e até nem estava mau, segundo o F., mas vinha “ornamentado” com três ossos compridos e afiados (que dava para ver à 1.ª olhada).



A minha tábua mista chegou…oh céus… houve um engano e afinal o que traziam era uma tábua com umas fatias de queijo cortadas à pressa (bem…depois de uns 25 minutos..ou mais nem foi tão à pressa). “Mas não foi este o meu pedido?!” – Ok, o senhor pediu desculpa e vamos lá retificar.



O arroz do F. estava quase acabado e o meu pedido não chegava. Eureka, cá vem ele. Uns 15 minutos ou mais para preparar essa tábua.

Fraca, muito fraca mesmo: umas fatias de presunto, de paio e um fiambre com alguns dias de frigorífico que teriam comprado no hipermercado mais próximo. Uma tacinha com marmelada, bem seca pois já estaria ao ar há algum tempo...



A minha Ideia? Não voltar à Taskinha Praça Antiga, de certeza que não.


O nosso Algarve não é isto, e não queremos que seja assim.

Uma Ideia aos senhores da restauração: aproveitem a maravilhosa região onde estamos, recebam bem os turistas e os da terra também, pois essa imagem que guardamos, enquanto clientes, é tão importante e sabe tão bem ser bem atendida por onde vamos passando, não vos parece?


Um sábado feliz. O nosso almoço hoje será Chez Marie Christine. Bem melhor de certeza.

Beijo.


284 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

© 2020 por MARIA CRISTINA D'OLIVEIRA SALGADO | Portugal