Buscar
  • Maria Cristina Salgado

Porque há rosas “especiais”



Giríssimo: nós mulheres somos mesmo perspicazes. Nem mais!


Ontem recebi um mail no Blog de uma querida que o visita diariamente, e que para além de palavras simpáticas (a falar bem deste “menino”), me questionava se é uma foto na moldura que tenho na minha mesa de cabeceira??!!

Isto porque esteve a apreciar as fotos do post de domingo – as arrumações dos colares no meu quarto. Fantástico M.! Parabéns pois tem boa visão mesmo.


Realmente essa moldura foi uma Ideia das minhas. Não é uma foto que tem.

Uma forma de guardar uma rosa especial que o meu marido me entregou na minha chegada ao aeroporto do Dubai quando o fui visitar. E já não nos víamos há alguns mesinhos…por isso essa rosa é mesmo MUITO especial.


Decidi guardá-la duma forma original. Deixei-a secar e (infelizmente) as pétalas começaram a cair. Juntei-as todas e coloquei-as dentro de uma moldura que tinha guardado.

Por vezes faço umas “recolhas” de molduras que tenho espalhadas pela casa. Às vezes chego à conclusão que tenho muitas em exposição. Esta foi uma delas.


Ficou um efeito muito giro mesmo. Mas há um senão: assumo que falhei no tratamento da flor. Deveria tê-la secado de alguma forma especial, talvez…não sei. Está a secar…a perder a cor.


Tenho de pesquisar para saber qual a melhor forma de secar flores quando se pretende guardá-las.

Aceito Ideias vossas, uma ajudinha caso entendam do assunto: “Como secar flores”.


Feliz 3.ª feira. Beijinho, Maria Cristina.


7 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

© 2020 por MARIA CRISTINA D'OLIVEIRA SALGADO | Portugal